• comercioenoticias

SECRETÁRIOS DE ESTADO INCENTIVAM EMPRESAS DE AZAMBUJA A COMBATER A PANDEMIA


Agendada para quinta-feira reunião com a CP e o Ministro das Infraestruturas

O Município de Azambuja recebeu, nesta segunda-feira, 11 de maio, a visita dos Secretários de Estado da Economia, João Neves, e dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, que é também o coordenador do combate à pandemia para a região de Lisboa e Vale do Tejo.

Os dois governantes participaram, a convite da autarquia, num encontro que juntou cerca de três dezenas de responsáveis por algumas das maiores empresas instaladas neste concelho, e ainda diversos autarcas, representantes das forças de segurança e de Proteção Civil, e três deputadas da Assembleia da República.

O Presidente da Câmara, Luís de Sousa, marcou a abertura e o encerramento desta sessão que contou, igualmente, com as intervenções do Presidente da Administração Regional de Saúde, Luís Pisco, e do Delegado Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, Mário Durval. A reunião teve lugar no auditório do Centro Paroquial de Azambuja, respeitando as recomendações da Direção Geral de Saúde.

Neste encontro, promovido para analisar o impacto da pandemia Covid-19 particularmente na vasta zona industrial Vila Nova da Rainha / Azambuja, foram abordadas diversas questões ligadas à realização de testes, à insuficiência ou não do transporte ferroviário que serve aquela área empresarial, a necessidade de adotar comportamentos individuais preventivos, e a adaptação das instalações e das rotinas por parte das empresas face à nova realidade.

As autoridades intervenientes cumpriram o propósito desta reunião, sensibilizando os empresários para a necessidade de minimizar os riscos de propagação da pandemia, no interesse da sociedade, mas também das próprias empresas. O objetivo é garantir que a laboração desta zona empresarial esteja assegurada, considerando a importância económica e estratégica da plataforma logística que abastece de muitos bens toda a zona sul do país incluindo a grande Lisboa.


PUB.


No ar, ficou a disponibilidade das entidades públicas para colaborarem com as empresas neste esforço comum de travar a propagação do vírus, bem como um apelo no sentido de poderem criar horários e turnos de trabalho desfasados, para evitar aglomerações, bem como implementar todas as medidas de segurança nas suas instalações, em particular nos refeitórios e balneários, e dar a formação necessária a todos os trabalhadores para que ponham em prática as medidas de proteção individual.

Entretanto, foi já agendada para a manhã da próxima quinta-feira uma reunião, por videoconferência, entre a autarquia, os empresários e os responsáveis das empresas CP e IP, com a participação do próprio Ministro das Infraestruturas – Pedro Nuno Santos, e do coordenador regional para as questões Covid – Duarte Cordeiro, com vista a serem encontradas as melhores soluções no que se refere aos comboios que servem a linha de Azambuja.

Recorde-se que na zona industrial Vila Nova da Rainha / Azambuja operam cerca de 230 empresas empregando um total aproximado de 8500 trabalhadores, muitos dos quais utilizam o comboio.


PUB.


63 visualizações

1/9

1/10

1/4

1/7

1/7

onde comer

1/10

Periodicidade: Diária

5/29/2020

bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias