• comercioenoticias

PULSEIRA ELETRÓNICA PARA HOMEM QUE AMEAÇAVA DE MORTE A COMPANHEIRA E O FILHO DE 16 ANOS


Militares da GNR do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no dia 28 de julho, detiveram um homem de 56 anos por violência doméstica, no concelho de Leiria.

Na sequência de diligências de investigação, os militares da GNR apuraram que o suspeito infligiu maus-tratos verbais, psicológicos, físicos e ameaças de morte à companheira de 45 anos e ao filho de ambos de 16 anos.

Durante a relação, o agressor controlava a vítima, impondo que vestisse apenas roupas que o mesmo aprovasse e exigindo que baixasse o olhar na presença de qualquer homem. Já nos últimos 10 anos, o agressor, além de maus-tratos verbais e psicológicos, forçava-a a manter relações sexuais contra a sua vontade.


PUB.


Nos últimos quatro meses, começou a agredir fisicamente a vítima, agressões estas que se estendiam ao filho quando tentava proteger a mãe.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Leiria ontem, dia 29 de julho, onde ficou sujeito às medidas de coação de proibição de contactos com as vítimas por qualquer meio, e de afastamento da residência familiar, controlado por pulseira eletrónica.


PUB.


484 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom
Bicharada - Site
Bicharada - Site

press to zoom

press to zoom
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom
1/9
Extreme Peste - Site
Extreme Peste - Site

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Extreme Peste - Site
Extreme Peste - Site

press to zoom
1/7

onde comer

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/9
telefonesuteis.jpg

Periodicidade: Diária

9/23/2021

coronavirus.jpg
bannered.png
NOVO SANTA CASA - COVID.jpg
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg