Periodicidade: Diária

5/18/2022

  • comercioenoticias

PULSEIRA ELETRÓNICA PARA HOMEM QUE AMEAÇAVA A EX-COMPANHEIRA POR NÃO ACEITAR FIM DA RELAÇÃO


Militares do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) da GNR, no dia 22 de novembro, detiveram um homem de 45 anos por violência doméstica, no concelho de Azambuja.

No âmbito de um processo de violência doméstica, os militares da GNR apuraram que o suspeito não aceitava o término da relação e persistia em manter comportamentos de assédio persistente (stalking) contra a vítima, sua ex-companheira de 40 anos, perseguindo-a por todo o lado, confrontando-a e ameaçando-a mesmo na presença dos filhos menores, numa tentativa de lhe provocar medo e inquietação, afetando gravemente a sua liberdade e as suas rotinas.

No seguimento das diligências policiais, foi dado cumprimento a um mandado de detenção.


PUB.


O detido foi presente ontem, dia 23 de novembro, ao Tribunal Judicial de Alenquer, onde lhe foi decretada a medida de coação de afastamento e proibição de contacto com a vítima, controlado por pulseira eletrónica, tendo ainda sido sujeito a apresentações bissemanais no posto policial da área de residência e a exame psicológico.

A GNR relembra que o stalking ou assédio persistente é uma forma de violência definida como um conjunto de comportamentos de assédio praticados, de forma persistente, por uma pessoa contra outra, sem que esta os deseje e/ou consinta.


PUB.


495 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/5

press to zoom
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/9

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

onde comer

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/12
telefonesuteis.jpg
Festival da Codorniz.jpg
bannered.png
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg