• comercioenoticias

PRISÃO PREVENTIVA PARA 3 ELEMENTOS DO GRUPO QUE PRATICOU ROUBOS EM PENICHE, RIO MAIOR E TORRES NOVAS


O Ministério Público apresentou a primeiro interrogatório judicial seis detidos, cinco homens e uma mulher, indiciados da prática de vários crimes de roubo, simples e agravados e de detenção de arma proibida.

Segundo a Procuradoria da Comarca de Leiria “os factos em investigação foram cometidos em dezembro de 2018 e em fevereiro de 2019, na zona de Peniche, designadamente no Baleal, Atouguia da Baleia e Praia D’El Rey, e em Rio Maior e Torres Novas, tendo ocorrido no interior de habitações e em estabelecimentos comerciais, com recurso a armas de fogo, que os arguidos empunhavam e exibiam às vítimas, para que estas lhes entregassem dinheiro e bens de valor”.

Na sequência de promoção do Ministério Público, no dia 13 de dezembro, a Juiz de Instrução Criminal determinou que três dos arguidos, de 35, 25 e 19 anos de idade, aguardassem os ulteriores termos do processo em prisão preventiva. Os restantes arguidos ficaram sujeitos a termo de identidade e residência.

A investigação é dirigida pelo Ministério Público da 1.ª Secção das Caldas da Rainha do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Leiria, com a coadjuvação do Departamento de Investigação Criminal (DIC) de Leiria da Polícia Judiciária (PJ).

0 visualização

1/8

1/9

1/6

1/7

1/8

onde comer

1/6

Periodicidade: Diária

7/9/2020

bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias