• comercioenoticias

POLÍCIA ENCONTRA CORPO NO PRÉDIO ONDE VIVIA O JOVEM DE ABRANTES ESTUDANTE NA REPÚBLICA CHECA


As autoridades checas encontraram na noite desta segunda-feira, 8 de novembro, um corpo na claraboia do prédio onde vive Tomás Alcaravela, um jovem de 19 anos, natural de Abrantes, estudante de medicina em Pilsen, na República Checa, o qual está desaparecido desde a madrugado do último sábado.

Segundo o jornal checo Krimi-Plzen “os bombeiros resgataram um corpo na claraboia de uma casa”. A mesma publicação avança que “o corpo estava caído por baixa da janela de uma casa de banho, a vários metros de profundidade”. O óbito foi declarado no local por uma equipa médica. A causa da morte será apurada através da autópsia.

O porta-voz da polícia checa confirmou que foi resgatado um corpo, mas não quis tecer comentários sobre a identidade do cadáver.


PUB.


De acordo com o ISMAP, a Associação de Estudantes que representa os estudantes internacionais da Charles University, a Faculdade de Medicina de Pilsen, e que tornou público o desaparecimento, o jovem foi visto a entrar para o seu apartamento pelas 05h00 de sábado, após ter saído de uma discoteca.

O jovem estudante abrantino é filho do conhecido médico cardiologista Jorge Alcaravela e neto de Silvino Alcaravela, antigo gestor hospitalar no Hospital de Abrantes e no Centro Hospitalar do Médio Tejo.


PUB.




2,813 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom
<