• comercioenoticias

POLÍCIA DE TORRES NOVAS RECEBE PRÉMIO “SEGURANÇA PÚBLICA”


Em dezembro do ano passado o agente Nuno Moita lançou-se às águas do rio Almonda para salvar um homem de morrer afogado

O Prémio de Segurança Pública é atribuído aos polícias que, com grande risco pessoal no desempenho das suas funções, enfrentaram e resolveram com êxito situações humanitárias, de delinquência ou criminalidade, demonstrando elevado espírito de missão e dedicação.

Este prémio, criado em 1988, já foi atribuído a 187 polícias que se destacaram pela superior abnegação e valentia, tendo já este ano sido galardoados 17 polícias com este prémio.

O mais recente galardoado com o prémio foi o agente principal da Polícia de Segurança Pública - Comando Distrital de Santarém, Nuno Moita, que no dia 27 de dezembro de 2019, pelas 17h00, foi alertado por um cidadão, que se encontrava um homem em dificuldades nas águas do rio Almonda, nas traseiras do Mercado Municipal da cidade de Torres Novas, correndo perigo de afogamento.

Este polícia deslocou-se de imediato para o local e deparou-se com a vítima, um homem de 52 anos de idade, que se debatia em grandes dificuldades contra a forte corrente do rio. Era notório o estado de exaustão e dificuldade da vítima, prestes a ser arrastada pela corrente do rio e afogar-se.


PUB.


O agente principal Nuno Moita, apesar das baixas temperaturas que se faziam sentir e da forte corrente, sem qualquer hesitação e de forma abnegada, lançou-se de imediato ao rio.

Conseguiu com dificuldade alcançar e segurar a vítima, resgatando-a para fora de água com a ajuda de outros polícias que haviam, entretanto, chegado à margem do rio em reforço.

Porque a vítima se apresentava muito exausta, debilitada e com fortes sinais de poder entrar em estado de hipotermia, o agente Nuno Moita, mais uma vez num gesto altruísta, despiu as suas roupas e agasalhou-a até à chegada dos meios de socorro.


PUB.


79 visualizações

1/9

1/10

1/6

1/8

onde comer

1/5

Periodicidade: Diária

10/1/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias