• comercioenoticias

PENICHE: INTERNAMENTO PREVENTIVO PARA MULHER QUE AGREDIA A MÃE IDOSA


O Ministério Público da secção de Peniche do DIAP da comarca de Leiria apresentou a primeiro interrogatório judicial, no dia 21 de janeiro, uma mulher de 42 anos de idade, indiciada da prática do crime de violência doméstica agravada, cometido sobre a sua própria mãe, de 83 anos.

O Tribunal considerou fortemente indiciado que a arguida, que padece de psicose esquizofrénica e é consumidora diária de bebidas alcoólicas, molestou física, verbal e psicologicamente a sua mãe, no interior da residência comum.

As agressões terão decorrido entre novembro de 2019 e 15 de janeiro de 2021, período em que a arguida, diariamente, exigia que a mãe lhe entregasse dinheiro para comprar bebidas alcoólicas e, sempre que a mesma recusava, desferia-lhe empurrões e partia diversos objetos em casa.

Para além disso, a arguida também insultava a vítima, puxava-lhe os cabelos, torcia-lhe os braços, desferia-lhe murros, apontava-lhe facas, ameaçava matá-la, tendo numa ocasião a atingido na cara com um balde contendo fezes.


PUB.


Na sequência de promoção do Ministério Público, o Tribunal determinou que a arguida aguardasse os ulteriores termos do processo em prisão preventiva, substituída por internamento preventivo em hospital psiquiátrico ou similar.

A investigação é dirigida pelo Ministério Público da Unidade Local de Peniche do DIAP da Comarca de Leiria, com a coadjuvação da PSP da Esquadra de Peniche.


PUB.


401 visualizações0 comentário

1/8

1/8

1/4

1/7

1/8

onde comer

1/10

Periodicidade: Diária

4/16/2021

coronavirus.jpg
bannered.png

©2021 por Comércio & Notícias