• comercioenoticias

MUNICÍPIO DE AZAMBUJA VAI REFORÇAR SENSIBILIZAÇÃO DAS EMPRESAS PARA TRAVAR A PANDEMIA


Saliente-se que só na empresa Avipronto existem 101 casos de Covid-19

O Município de Azambuja promoveu, na manhã desta quinta-feira, 7 de maio, uma reunião para analisar a evolução da pandemia e definir uma estratégia de resposta à situação, especialmente preocupante na zona empresarial de Vila Nova da Rainha/Azambuja.

A reunião contou com as presenças de todo o Executivo e do presidente da Assembleia Municipal, do Delegado Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, da Diretora Executiva do Agrupamento de Centros de Saúde do Estuário do Tejo, da Delegada e da enfermeira de Saúde Pública de Azambuja, dos comandantes do Posto de Azambuja e do Destacamento Territorial de Alenquer da GNR, do coordenador do Serviço Municipal da Proteção Civil e, ainda, dos presidentes das Juntas de Freguesia de Azambuja e de Vila Nova Rainha.

Foi unânime o sentimento de preocupação face à situação da propagação do vírus que levou, nomeadamente, ao encerramento temporário da empresa Avipronto. Esta preocupação justifica-se pelo facto de que, só nesta zona empresarial Vila Nova da Rainha/Azambuja, estão instaladas cerca de 220 empresas de dimensão variada onde trabalham um total de mais de 8.000 pessoas. Por outro lado, é reconhecida a importância de muitas dessas empresas no abastecimento dos mais diversos bens a uma vasta região do país onde se inclui a área metropolitana de Lisboa, abastecimento esse que nunca esteve em causa. Ficaram evidenciados alguns focos principais de preocupação: as instalações e condições de trabalho, os planos de contingência das empresas e a utilização massiva do comboio pelos trabalhadores dessas unidades.

Nesta reunião, foi decidido reforçar o contacto com as empresas com o objetivo de garantir que a laboração desta zona empresarial se mantenha, minimizando os riscos de propagação da pandemia. O município vai intensificar a sensibilização junto dos dirigentes das empresas no sentido de poderem criar horários e turnos de trabalho desfasados, bem como implementar todas as medidas de segurança nas suas instalações, em particular nos refeitórios e balneários, e dar a formação necessária a todos os trabalhadores para que ponham em prática as medidas de proteção individual.

Perante as evidências de sobrelotação dos comboios na linha de Azambuja, a autarquia vai continuar a pressionar a autoridade dos transportes para que a oferta da CP tenha a quantidade de carruagens que faça cumprir a percentagem de passageiros recomendada. Em complemento, o município pretende sensibilizar as empresas para disponibilizarem autocarros para que os seus trabalhadores evitem as aglomerações nos comboios.


PUB.


Atendendo a que existem, no contexto laboral de todo o concelho, diversas comunidades de trabalhadores oriundos de diferentes países da Europa, África e Ásia, o Alto Comissariado para as Migrações vai realizar sessões locais de esclarecimento e informação a esses migrantes. A Câmara Municipal de Azambuja irá colaborar na sua realização, em várias freguesias, com o apoio de material informativo nos diferentes idiomas disponibilizado pelo ACES do Estuário do Tejo.

Neste momento, está fora de questão o pedido de um eventual cerco sanitário ao concelho de Azambuja. A situação é de preocupação, mas não é para alarme ou sensacionalismo. Não existe uma propagação descontrolada na comunidade, existem sim focos e casos concretos, identificados e acompanhados pelas autoridades de saúde pública, que estão a aplicar os procedimentos adequados a cada situação.

Reforça-se que, a chave para travar a pandemia Covid-19 está no comportamento de cada cidadão. Mantém-se e amplia-se o apelo das últimas semanas: ficar em casa o mais possível, circular apenas para as tarefas necessárias, manter o distanciamento social, usar máscara em espaços fechados, praticar a etiqueta respiratória e lavar bem e desinfetar as mãos com frequência. Só a proteção individual resultará na proteção de todos.


PUB.


82 visualizações

1/9

1/10

1/8

onde comer

1/5

Periodicidade: Diária

10/21/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias