Periodicidade: Diária

10/3/2022

  • comercioenoticias

MUNICÍPIO DE AZAMBUJA JÁ EQUIPOU ALGUMAS ESCOLAS E INFRAESTRUTURAS MUNICIPAIS COM DESFIBRILHADORES


Já se encontra em funcionamento a primeira fase de implementação do programa DAE - Desfibrilhação Automática Externa do Município de Azambuja, designado por “Choque para a Vida”. Este programa municipal consiste em equipar com desfibrilhadores vários espaços de grande afluência de pessoas e locais considerados de alto risco, bem como garantir pessoas devidamente certificadas para operar esses aparelhos.

Esta primeira fase contemplou as instalações da Escola Secundária de Azambuja, da Escola Básica de Vale Aveiras e da Escola Básica de Manique do Intendente, e também do Estádio Municipal, do Pavilhão Municipal e do Complexo de Piscinas de Azambuja. Todos estes equipamentos passam a ter um desfibrilhador automático externo, contando com mais de 30 colaboradores habilitados a utilizar o referido aparelho, após terem recebido formação especifica em Suporte Básico de Vida e Desfibrilhação Automática Externa. Sublinhe-se que este programa DAE é licenciado pelo INEM-Instituto Nacional de Emergência Médica.

Recorde-se que Azambuja estava integrada num programa de DAE planeado pela Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo. Perante a decisão da CIMLT de não avançar com o referido programa, o Município de Azambuja tomou prontamente a iniciativa de constituir uma equipa própria de trabalho para planificação e implementação de um programa municipal próprio.

A implementação do programa “Choque para a Vida” será faseada, prevendo-se que fique concluída em 2023. O objetivo global é estender o programa a mais escolas e edifícios municipais, contemplando toda a área do concelho em articulação com as Juntas de Freguesia. Este faseamento, deve-se a razões financeiras e técnicas, visto tratar-se de um investimento significativo e cujos critérios a cumprir para que o programa seja devidamente certificado pela entidade competente são muito rigorosos e exigentes. Assim, na primeira fase foi dada prioridade aos maiores estabelecimentos escolares e instalações municipais que comportem um risco acrescido e a eventual necessidade de um desfibrilhador.


PUB.


Um DAE – desfibrilhador automático externo, é um dispositivo médico que aplica choques elétricos em situação de paragem cardiorrespiratória (PCR), por forma a que se consiga restabelecer o ritmo cardíaco normal e evitar a morte da vítima. É de referir que a paragem cardiorrespiratória de origem cardíaca é a principal causa de mortalidade nos países desenvolvidos. Em Portugal, estima-se que ocorram 10 000 casos todos os anos, acontecendo quase sempre de forma súbita, inesperada e fora do meio hospitalar. Na grande maioria dos casos, o único tratamento eficaz é a desfibrilhação eléctrica (choque) e o factor mais importante para o sucesso da intervenção é o tempo que decorre entre o colapso da vítima e o início de manobras de Suporte Básico de Vida e a utilização de um desfibrilhador.

O Município de Azambuja conta com o apoio da Ocean Medical (empresa certificada na formação em Suporte Básico de Vida) que assegura o responsável médico do programa DAE, o controlo de qualidade e a formação específica dos operacionais DAE.


PUB.


52 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/10

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/5

press to zoom
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/9

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7

onde comer

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/11
telefonesuteis.jpg
bannered.png
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg