• comercioenoticias

MUNICÍPIO DE AZAMBUJA CRIA POSTO DE OBSERVAÇÃO DA NATUREZA


No Paúl de Manique do Intendente

O Município de Azambuja criou um espaço de observação de fauna e flora no Paúl de Manique do Intendente para toda a população local e público em geral.

Esta ação faz parte de um projeto designado “Paúl Natura” que, teve início com uma candidatura ao Fundo Ambiental, a qual não obteve financiamento. Ainda assim a autarquia decidiu avançar com os custos da colocação das infraestruturas e dar continuidade a este projeto que, tem como objetivo promover o conhecimento e a proteção do património natural, envolvendo os jovens e as comunidades locais, na proteção deste ecossistema único no Concelho de Azambuja.

Da referida candidatura, surgiu uma parceria entre o município e várias entidades que darão vários contributos no apoio à conservação do Paúl de Manique. Assim, regista-se o envolvimento e colaboração da Universidade Lusófona de Lisboa, da União das Freguesias de Manique do Intendente, Vila Nova de S. Pedro e Maçussa, da Casa do Povo de Manique do Intendente, do Agrupamento de Escolas do Alto de Azambuja e do Instituto de Conservação da Natureza e Floresta (ICNF).

As obras de instalação das estruturas ficaram concluídas em meados de março, estando a ser preparada a colocação, em vários painéis, de informação sobre todo o património natural característico do Paúl, um trabalho que conta com o apoio da Universidade Lusófona e do ICNF.


PUB.


Refira-se que a inauguração do equipamento estava planeada para decorrer durante a festa das Tasquinhas de Manique do Intendente, nos dias 24 a 26 de abril. No entanto, devido à situação de pandemia em que nos encontramos, o evento foi cancelado e a abertura oficial do posto de observação será reagendado para quando as circunstâncias o permitirem.

O município irá continuar a trabalhar, em conjunto com todas as entidades parceiras, para dar a conhecer a importância deste local, prosseguindo com o levantamento das espécies da fauna e da flora existentes, algumas com estatuto de proteção, como forma de preservar este ecossistema único e tão rico para este Concelho de Azambuja e para toda a região.

O espaço foi criado para permitir a fruição de um local, com as condições ideais, onde se possa contemplar a Natureza em todo o seu esplendor e que será aberto a todo o público logo que seja possível.

Esta obra representa um investimento da Câmara Municipal de Azambuja de cerca de 14 mil euros.


PUB.


320 visualizações

1/9

1/10

1/4

1/7

1/7

onde comer

1/10

Periodicidade: Diária

6/6/2020

bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias