• comercioenoticias

MELHORES ATLETAS OLÍMPICOS DO BRASIL PREPARARAM-SE EM RIO MAIOR


Nos últimos seis meses do ano passado, Rio Maior foi uma verdadeira casa para os melhores atletas olímpicos do Brasil. Num ano muito atípico, em que os atletas em todo o mundo se viram obrigados a alterar a sua preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, adiados para 2021, o Rio Maior Sports Centre foi a escolha certa para os campeões brasileiros.

No Rio Maior Sports Centre toda a equipa trabalhou para proporcionar, mais uma vez, a excelência dos seus serviços. A versatilidade das instalações para a prática de muitas modalidades desportivas, foi colocada à prova, correspondendo a elevados graus de exigência. Tudo foi preparado ao pormenor, com um enorme sentido de responsabilidade.

Desde meados do último ano, que Rio Maior foi a base principal da Missão Europa do Comité Olímpico Brasileiro tendo recebido os melhores desportistas brasileiros. Os primeiros atletas chegaram em julho, usufruindo, em segurança, dos muitos serviços que o Rio Maior Sports Centre proporciona aos desportistas de alto rendimento.

Ao longo destes meses passaram por Rio Maior mais de 166 atletas, 68 diretores e restante staff de apoio, em 13 modalidades. No centro de estágios foram servidos 5281 almoços, 5226 jantares, com um total de 4027 dormidas.


PUB.


Presentes estiveram atletas e equipas de modalidades como o judo, boxe, natação, natação artística, maratonas aquáticas, triatlo, esgrima, ténis, atletismo, lutas e rugby feminino, com a equipa do Brasil a realizar jogos de treino com as Seleções de Portugal e Espanha, num dos relvados de treino. Durante alguns dias a Seleção Espanhola, também ficou alojada em Rio Maior. Já na fase final, no mês de dezembro, ainda esteve em Rio Maior o campeão olímpico de salto com vara, do Rio de Janeiro 2016, Thiago Braz.

Mas a escolha dos melhores atletas do Brasil, no final de 2020 e início de 2021, tem continuidade com a estadia da Seleção Nacional de Andebol, que chegou no domingo dia 27 de dezembro, num estágio até amanhã, dia 7 de janeiro, em preparação para o Campeonato do Mundo, a realizar-se no Egipto, entre os dias 13 e 31 de janeiro.

Já no final desta designada Missão Europa, Marco La Porta, vice-presidente do COB, avaliou toda a organização em Rio Maior: “A avaliação que fazemos é muito positiva. Desde que viemos para cá, tivemos objetivos muito claros de proporcionar a melhor estrutura, em segurança, para os atletas. E temos a certeza que todos os objetivos foram conseguidos. Temos o feedback positivo dos atletas. Todas as instalações são de muita qualidade e foram tomadas todas as medidas necessárias em virtude da pandemia. Os atletas foram muito bem recebidos, todos se sentiram muito bem acolhidos. Isso foi muito importante e irá ter impacto visível nos Jogos em Tóquio. Estamos numa fase de incerteza para o próximo ano no Brasil, havendo a possibilidade de voltarmos a Rio Maior em 2021. Estamos muito satisfeitos e temos a certeza que todos os objetivos foram atingidos”, referiu Marco La Porta.


PUB.


40 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7