top of page

Periodicidade: Diária

2/25/2024

  • comercioenoticias

LEIRIA: ECOCENTRO MÓVEL PERCORRE AS FREGUESIAS “À PROCURA” DE DIVERSOS RESÍDUOS


O Município apresentou na última sexta-feira, 28 de julho, o Ecocentro Móvel de Leiria, um equipamento preparado para receber aqueles resíduos que, normalmente, não são gerados em casa diariamente e que acabam por ficar acumulados ou por ser encaminhados para aterro.

Lâmpadas, pilhas e acumuladores portáteis, tinteiros e toners, pequenos eletrodomésticos elétricos e eletrónicos, resíduos de papel, embalagens contaminadas e têxteis são os fluxos que o Ecocentro Móvel poderá receber, que, depois de recolhidos, são valorizados e tratados adequadamente.

De realçar que este projeto é da autoria de Samuel Nogueira, de 43 anos de idade, formado em arte e design, natural da freguesia de Alcobertas, concelho de Rio Maior, a residir atualmente na localidade de Barreira, no concelho de Leiria

Na sessão pública de apresentação, o vereador do Ambiente, Luís Lopes, destacou a importância do projeto pela contribuição nas taxas de reciclagem do concelho e na redução da quantidade de resíduos que vão para aterro, salientando também o caráter de proximidade do Ecocentro com as populações.



Sob o lema “Valorizamos. Tratamos. Perto de si!” e durante pouco mais de um ano, o equipamento irá percorrer todas as freguesias do concelho, permanecendo 13 dias em cada uma, de acordo com a calendarização disponível no site do Município, e o arranque é em Leiria, onde o Ecocentro ficará no parque de estacionamento do Mercado Municipal até 9 de agosto.

Com um investimento de quase 20 mil euros, esta medida resulta de uma proposta apresentada no âmbito da edição do Orçamento Participativo de 2021 e, segundo explicou o proponente, Samuel Nogueira, a ideia surgiu da falta de resposta para deposição de determinados resíduos e teve como base projetos apresentados noutros municípios.

Ainda de acordo com o vereador, é intenção do Município utilizar o equipamento nos principais eventos e fazer uma avaliação global do projeto após as 58 semanas, para perceber se existe a necessidade de aumentar a oferta do serviço.

A recolha e encaminhamento dos resíduos fica a cargo da Valorlis.



118 visualizações0 comentário

onde comer

telefonesuteis.jpg
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg
bannered.png
Banner Riomagic.jpg
bottom of page