• Comercio Noticias

JOVEM RIOMAIORENSE AGREDIDO NA FRIMOR POR ALEGADO SEGURANÇA

Xavier Nogueira, de 24 anos de idade, residente em Rio Maior, militar de profissão, apresentou queixa no posto da GNR desta cidade, contra um alegado segurança da empresa SMA – Segurança Privada, Lda., argumentando que este o terá agredido na madrugada do passado dia 8 de setembro, no recinto de espetáculos da FRIMOR 2019, evento que decorreu em Rio Maior entre os dias 5 e 9 de setembro.

Ao Comércio & Notícias, Xavier Nogueira relatou como tudo começou: “Cerca das 02h00 da madrugada, de sábado para domingo, eu estava acompanhado com uns amigos junto a um dos bares do recinto, quando perto de nós dois outros jovens, que eu não conhecia, se envolveram numa zaragata. Ainda antes de perceber bem o que estava a acontecer levei dois murros de um suposto segurança que originaram que desmaiasse. E digo suposto segurança porque não estava fardado como os restantes, apenas tinha uma camisola preta e um cartão ao peito a dizer ORGANIZAÇÃO”.

O relato que se segue é da mãe de Xavier Nogueira, que à nossa reportagem contou que um amigo e uma amiga do seu filho foram em seu auxílio, mas acabaram agredidos também, “ela levou um murro na nuca, e ele um pontapé e um soco”, revelou a progenitora, acrescentando: “Achava que a segurança era para manter a ordem e não agravar a desordem. Sim porque este individuo não entrou para acalmar, mas sim para esmurrar quem lhe apareceu à frente”.

Cláudia Valada, a mãe do jovem agredido, não cala a sua revolta, e expressou-se já nas redes sociais: “Não sou mais mãe que ninguém nem o meu filho, mais filho que nenhum outro, mas é o meu e é um miúdo 10 estrelas, amigo do seu amigo, o melhor filho que se pode ter, nada conflituoso, não se mete em problemas”, relata, acrescentando ainda: “Na procura de respostas, foi-me dito, ah e tal estava no sítio errado à hora errada!! Não aceito, o meu filho estava no sítio certo, numa festa da sua cidade, a divertir-se como é suposto fazerem os jovens da idade dele. Ah e tal estavam bêbados, mentira não estavam”, garante a mãe.

O Comércio & Notícias contactou a Câmara Municipal de Rio Maior, entidade responsável pela organização do evento, em parceria com a Associação Empresarial do Concelho de Rio Maior, tendo o seu Presidente, Filipe Santana Dias, confirmado a ocorrência, referindo que a autarquia pediu de imediato um relatório à empresa de segurança, tendo remetido à GNR o referido relatório, aguardando agora o resultado das investigações das forças da autoridade.

Fonte da GNR confirmou ao Comércio & Notícias que o jovem apresentou queixa na manhã seguinte, no posto territorial local, e que o caso está a ser investigado e irá seguir os seus trâmites legais.

Contactada também a supervisora da empresa SMA – Segurança Privada, Lda., sediada em Setúbal, a mesma limitou-se a afirmar que “tudo o que tinha a dizer já disse à GNR”.

Entretanto, quem não se conforma com toda esta situação é Xavier Nogueira, que nos garantiu que irá levar este caso até às últimas instâncias.


12 visualizações

1/9

1/9

1/8

1/6

onde comer

Periodicidade: Diária

11/28/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias