• comercioenoticias

JOÃO ALMEIDA JÁ LIDERA A EDIÇÃO 2020 DA VOLTA À ITÁLIA


Concluída a terceira etapa da Volta à Itália que terminou, na tarde desta segunda-feira, 5 de outubro, no topo do Monte Etna, o ciclista João Almeida, de apenas 22 anos de idade, natural de A-dos-Francos, concelho de Caldas da Rainha, conquistou a camisola rosa, ao subir ao 1.º lugar da classificação geral.

À partida para esta terceira etapa João Almeida da equipa Deceuninck-QuickStep ocupava o segundo lugar da geral, posição conquistada logo na primeira etapa, um contrarrelógio na distância de 15,1 km, em que ficou em segundo lugar, apenas atrás do campeão mundial da especialidade, o italiano Filippo Ganna da formação Ineos.

A vitória na etapa de hoje sorriu a Jonathan Caicedo (EF Pro Cycling), que chegou isolado ao cimo do monte Etna, ao fugir de um curto grupo de ciclistas que andou vários quilómetros em fuga.


PUB.


João Almeida tem agora o mesmo tempo de Jonathan Caicedo na geral, mas veste a camisola rosa devido à vantagem nos centésimos de segundo conquistados no contrarrelógio da primeira etapa. O pódio fica completo com o 3.º lugar do espanhol Pello Bilbao (Bahrain-McLaren) a 37 segundos do líder.

Para além da camisola rosa, o ciclista português é também detentor da camisola branca, que significa ser ainda o líder da juventude.

O Giro 2020 volta à estrada já amanhã correndo-se a quarta etapa, entre Catania e Villafranco Tirrena, num percurso de 140 quilómetros, que conta com uma única contagem de terceira categoria a meio da etapa.


PUB.


300 visualizações0 comentário