• comercioenoticias

HEITOR OLIVEIRA TEM PROJETO AMBICIOSO PARA O RIO MAIOR SPORT CLUBE


Presidente quer que o clube seja uma referência pela sustentabilidade, formação e alto rendimento

Heitor Oliveira assumiu em julho último o comando da presidência do Rio Maior Sport Clube, após ter aceitado o convite que lhe foi formulado, por considerar ir ao encontro de um novo projeto que pretendia iniciar em Portugal.

Nascido no Brasil, Heitor Oliveira é um empresário formado em gestão estratégica, tendo ao longo dos anos atuado na implementação e desenvolvimento de novos projetos.

“Tenho um percurso bem amplo que me deu bastante experiência na implementação e gestão de projetos”, contou Heitor Oliveira ao Comércio & Notícias, destacando o seu percurso em Portugal, entre os anos 2000 e 2014, na gestão de projetos na área da comunicação, gestão empresarial e suporte a atletas profissionais. “Entre 2002 e 2009 fiz uma gestão de backoffice a atletas de alto rendimento que estavam ligados a clubes como o Benfica, Braga, Sevilha e PSV Eindhoven”, relata Heitor Oliveira que refere também que “dava suporte na gestão pessoal deles e direcionava também algumas questões da sua vida particular”.

Sobre o Rio Maior Sport Clube, Heitor Oliveira diz ter sido convidado para fazer parte do projeto tendo as sua ideias ido ao encontro do que a direção esperava. “Eu tinha um projeto já desenvolvido há quatro anos em que queria aplicar a vivência que tive dentro dos bastidores de futebol, e em que a base do projeto é a preparação do atleta num todo, tanto a nível técnico como psicológico”, conta.

Heitor Oliveira diz que os objetivos do clube são divididos a curto, médio e longo prazo, sendo que o projeto passa “por desenvolver uma mentalidade vencedora, aproveitando as excelentes condições que o complexo desportivo oferece. Queremos capacitar uma equipa para competir ao nível que Rio Maior merece, por isso não escondo o desejo que tenho de aqui a 10 anos ver o Rio Maior Sport Clube a competir na principal liga do futebol Português”, salienta o presidente do clube riomaiorense.

Mas antes que isso aconteça é preciso criar estruturas, como destaca Heitor Oliveira: “O que me cativou foi a possibilidade de iniciar o meu projeto e implementá-lo com tempo, o qual visa essencialmente a formação, não só atlética mas também a formação como pessoa, que é um componente muito importante”, acrescentando que “o nosso objetivo é ganhar na implementação de um projeto forte, com bases sustentáveis. Vamos nos preparar e definir em que momento vamos estar preparados para realmente subir para outros patamares, mas volto a dizer que tem de ser de uma forma estruturada. Quanto mais eficazes formos nessa implementação mais rápido os resultados surgirão”, destaca.

Heitor Oliveira diz ser um conhecedor do futebol português, referindo que “tem bastante qualidade e que é uma referência a nível mundial”.

O presidente do clube riomaiorense entende que a situação atual criada pela pandemia é bastante complicada não só para os clubes, mas também para os atletas, “enquanto em outras profissões os trabalhadores vão para home office e as consequências não são tão graves, para o atleta é muito grave, pois para ele uma temporada em home office a preparação física não é a mesma”, acrescentando que “para um atleta de alto rendimento um ano equivale a 3 ou 4 de um trabalhador de outra atividade, então um ano para ele vai impactar muito na sua carreira pois tem de estar sempre em preparação”. Heitor Oliveira é ainda da opinião que “a ausência de público nos estádios “altera completamente a prestação dos atletas”.

Voltando novamente ao Rio Maior Sport Clube o presidente refere que “estamos num período especial, fazendo neste momento um trabalho interno o qual não é visível, mas estamos estruturando que é o fundamental agora. Os resultados estão dentro daquilo que sabemos que podia acontecer pois o futebol não é uma ciência exata, mas logicamente que almejamos mais, então estamos focados em organizar melhor a nossa estrutura interna e consequentemente os resultados em campo vão aparecer”.

“Vamos ter novas contratações já em janeiro com atletas que entram num processo nosso de alto rendimento. Nós temos um projeto de alto rendimento e vamos ter um processo de treinamento onde vão entrar alguns atletas para exercer um trabalho diferenciado, digamos que será um trabalho ao nível de alguns clubes da I Liga”, diz com orgulho Heitor Oliveira, que avança ainda que “terá acompanhamento técnico de vários profissionais, nomeadamente um nutricionista, um psicólogo e um fisioterapeuta, para fazer realmente a gestão desses atletas”.

Heitor Oliveira tem uma impressão bastante positiva sobre Rio Maior, considerando que “é uma cidade espetacular e bastante agradável. Escolhi viver aqui pois o nosso projeto não permite part time, por isso vou estar a 100% na cidade a qual tem umas instalações espetaculares. Acho que temos aqui reunidas todas as condições para fazer um projeto de sucesso”, salienta.


PUB.


O presidente referenciou ainda que gostaria de contar com o apoio de toda a população, “faço um convite a todos para que juntos possamos construir o nosso clube, trilhando um caminho em busca de novas vitórias e novos campeonatos”.

Para aqueles que não possam acompanhar de uma forma direta Heitor Oliveira entende que “só ao observar já estão a apoiar e a acompanhar o nosso desenvolvimento”, deixando ainda um aviso: “Não pensem que o Presidente do Brasil vem com a mala cheia de dinheiro, não existe isso, pois o nosso trabalho é sustentado. Nós estamos num momento diferenciado, então não podemos marcar datas, mas gostaríamos que a população nos acompanhasse e estivesse atenta às evoluções”, salienta o presidente, que acrescenta ainda: “Gostava que percebessem como estamos desenvolvendo o nosso trabalho e qual o seu foco, e que não nos associassem a períodos anteriores do clube”.

A finalizar, Heitor Oliveira salientou que “as empresas riomaiorenses são um pilar bastante importante para o sucesso deste projeto”, agradecendo ainda a todas aquelas que já se associaram ao Rio Maior Sport Clube. O presidente deixou ainda um agradecimento especial à Câmara Municipal de Rio Maior, à Desmor e à Escola Superior de Desporto de Rio Maior pelos apoios prestados.

O Rio Maior Sport Clube foi fundado a 6 de julho de 2016, encontrando-se atualmente a disputar a 1.ª divisão distrital da Associação de Futebol de Santarém, ocupando a 8.ª posição da tabela classificativa com 8 pontos, correspondentes a duas vitórias, dois empates e duas derrotas.

De salientar por fim que o Rio Maior Sport Clube pretende expandir a sua massa associativa, estando a decorrer uma campanha de angariação de novos sócios.


PUB.



480 visualizações

1/9

1/9

1/8

1/6

onde comer

Periodicidade: Diária

11/30/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias