• Comercio Noticias

EM DIA DE ANIVERSÁRIO A EPRM PREMIOU OS MELHORES ALUNOS

Ensino profissional chegou a Rio Maior há 27 anos

De forma a assinalar o seu 27.º aniversário, a Escola Profissional de Rio Maior (EPRM) realizou ontem, 21 de outubro, no Cineteatro de Rio Maior, a sessão solene comemorativa, num dia que é também destacado por aquela escola como o “Dia do Diploma”.

Como habitualmente as honras de abertura da sessão couberam ao diretor pedagógico daquele estabelecimento de ensino, João União, que começou a sua intervenção dirigindo-se aos alunos diplomados, “agradeço a vossa escolha e a vossa confiança, agradeço tudo aquilo que vocês fizeram pela escola e acho que nós também vos ajudámos a preparar o vosso caminho”, referiu, acrescentando que “foram 3 anos de muito trabalho com alegrias e tristezas, mas que certamente vos fizeram crescer, e acredito que estão preparados para enfrentar novos desafios”.

João União deixou ainda um apelo aos alunos que concluíram os seus cursos: “Espero que para onde forem levam os valores fomentados nesta casa: Trabalho, determinação, perseverança e proatividade”.

Seguiu-se a visualização de um vídeo com o registo dos melhores momentos do último ano letivo.

Voltando à fase dos discursos, coube ao Delegado Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo, Francisco Neves, tecer as suas considerações sobre o momento festivo da EPRM, começando por dizer que “o Dia do Diploma é um dia de festa e celebração em que publicamente se reconhece que os alunos durante três anos consecutivos investiram na sua profissionalização”.

Francisco Neves salientou que “certamente não foram anos fáceis”, acrescentando: “Esta escola lança-vos desafios, os quais com o vosso trabalho árduo conseguiram superar”.

A terminar, o Delegado Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo referiu ainda: “Todo o trabalho que se faz ao longo destes três anos deve ser reconhecido e a Escola Profissional de Rio Maior só tem que ter orgulho em divulgar a qualidade dos alunos que daqui saem”.

Seguidamente procedeu-se à entrega de diplomas aos alunos finalistas do triénio 2016-2019.

A professora Inês Sequeira, que apresentou esta cerimónia, chamou de seguida ao palco os alunos que mais se distinguiram no último ano letivo de modo a receberem os prémios de mérito patrocinados pelas empresas Fravizel, LS Eletricidade, Bielco, Américo Neto, Alferpac, JJ Louro, RodoTejo, Talenter e RSoares.

Os prémios do Curso Técnico de Manutenção Industrial foram entregues a João Palma que ficou em 3.º lugar, a Francisco Ribeiro em 2.º, e a Duarte Pires, o vencedor deste curso.

No Curso de Instalações Elétricas Hélder Antunes ficou em 3.º, Dinis Levchenko em 2.º e Marco Gonçalves em 1.º.

Por sua vez, no Curso Técnico de Transportes Francisco Guedes ficou na 3.ª posição, Juliana Aires na 2.º, e Laura Agostinho foi considerada a melhor aluno do curso.

Por fim, no Curso Técnico de Comunicação, Marketing, Relações Públicas e Publicidade o 3.º lugar foi para Inês Rei, ficando em 2.º Luís Bento e Beatriz Ferreira em 1.º.

Os alunos distinguidos receberam prémios monetário, cabendo aos 3.ºs lugares cheques no valor de 100 euros, aos 2.ºs 150 e aos 1.ºs 250 euros.

O Grémio Riomaiorense fez questão de atribuir o Prémio “José Pedro Inês Canadas”, que distingue o melhor aluno da EPRM no último triénio, distinção essa que coube a Cristiana Pires que arrecadou assim das mãos de Vítor Félix, representante do Grémio Riomaiorense, um cheque no valor de 500 euros.

A sessão comemorativa terminou com a intervenção do Presidente do Conselho de Gerência da EPRM, João Lopes Candoso, que começou por referir tratar-se de um dia especial para a EPRM. “Somos uma escola reconhecida no concelho, na região e no país, uma referência do ensino profissional que só foi possível com o trabalho e empenho de todos nos últimos 27 anos da sua existência”, salientou.

“Juntos temos conseguido trabalhar em prol desta instituição, de encontrar soluções, definir caminhos e encontrar novas oportunidades”, destacou Lopes Candoso que acrescentou que “a EPRM continua a apostar em estágios internacionais e conjuntamente com visitas de estudo ao estrangeiro, que permitem aos alunos adquirir novos conhecimentos e experiências e uma formação mais abrangente”.

A concluir, o Presidente do Conselho de Gerência da EPRM referiu que “os alunos que agora terminaram os seus cursos saem desta escola com uma formação profissional que lhe permite entrar no mercado de trabalho”.

Ausente desta cerimónia, por motivos profissionais, esteve o Presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Filipe Santana Dias, que ainda assim deixou uma mensagem de incentivo aos alunos da EPRM, lida pelo seu Vice-Presidente e simultaneamente Presidente do Conselho de Gerência da EPRM, João Lopes Candoso.

“Sendo uma aposta da autarquia em parceria com a Associação Empresarial de Rio Maior e a Associação de Produtores Agrícolas do concelho, a EPRM conquistou um lugar de destaque no ensino da região fruto do esforço de todo um conjunto de pessoas que ao longo da vida desta instituição de ensino deram o melhor de si em prol de um projeto”, escreveu o edil riomaiorense.

Da mensagem do Presidente da autarquia destaca-se ainda: “Estou certo que com o contributo de todos a EPRM continuará a ser uma montra das capacidades do ensino profissional em Portugal, a qual nos mantém orgulhosos dos jovens profissionais que forma e que se afirmam com facilidade no mercado de trabalho”.

No final da sessão, de regresso às instalações da EPRM, cantaram-se os parabéns aos 27 anos da Escola Profissional de Rio Maior e apagaram-se as velas do enorme bolo que assinalou mais um importante momento da Escola Profissional de Rio Maior, no qual participou toda a comunidade educativa.


11 visualizações

1/9

1/9

1/8

1/6

onde comer

Periodicidade: Diária

12/4/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias