• comercioenoticias

DOIS CAMIONISTAS DETIDOS EM RIO MAIOR POR MANIPULAÇÃO DE TACÓGRAFOS


A Unidade Nacional de Trânsito (UNT), através do Destacamento de Ação de Conjunto (DAC) de Lisboa, ontem, dia 24 de agosto, deteve dois homens, de 37 e 51 anos, por manipulação de tacógrafos (falsificação de notação técnica), na Estrada Nacional 114, junto à Zona Industrial de Rio Maior.

No decorrer de uma ação de fiscalização rodoviária, os militares detetaram os ilícitos no momento da abordagem dos veículos, onde se depararam com os tacógrafos a registarem tempo de descanso durante a condução dos veículos.

Ainda no decorrer da fiscalização a GNR detetou que os condutores faziam uso de um dispositivo eletrónico instalado no aparelho tacógrafo que, com um comando remoto, acionava o dispositivo que fazia com que o aparelho de controlo de tacógrafo gerasse, sem qualquer outra intervenção posterior, uma notação técnica de conteúdo falso, pois a mesma atestava que os veículos se encontravam em descanso (parados). Desta forma, criavam a possibilidade de qualquer condutor poder conduzir mais horas do que as permitidas por lei.


PUB.


Segundo a GNR “estas ações por parte dos arguidos, levam a uma condução contínua, o que contraria a prática de uma condução defensiva, atentando gravemente contra a segurança rodoviária, sendo o cansaço, em concreto a sonolência, uma das causas associadas a acidentes de viação”.

Os veículos foram apreendidos para posterior peritagem e os arguidos notificados para comparecerem no Tribunal Judicial da Comarca de Santarém durante o dia de hoje.


PUB.


4,299 visualizações

1/9

1/10

1/6

1/8

onde comer

1/5

Periodicidade: Diária

10/1/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias