top of page
Sem nome (1218 × 170 px) (1).png

Periodicidade: Diária

12/5/2023

  • comercioenoticias

CONTRIBUTOS PARA A HISTÓRIA DE RIO MAIOR – SÉCULO XX



Por João Maurício

III

Marcolino Nobre, na obra “Retratos do Passado”, refere vários aspetos da vida da Vila, na primeira metade do século XX.

Os atuais jovens se lessem esses textos pensariam que estariam perante um quadro ficcionado. A verdade é que aquela realidade existiu. Marcolino recorda um concelho de Rio Maior profundamente rural, onde a proximidade entre as pessoas era enorme. Tempo em que a vida era simples, cheia de dificuldades, mas, também, de esperança num futuro melhor.

Escreve o autor detalhes da vida quotidiana como “as vendas ambulantes de leite, do pão, dos jornais e, até, de água”. Os detalhes são bem curiosos: o som do clarinete de João Fróis Aguiar, a Vila da Marmeleira, os Gaibéus que vinham trabalhar para os campos das freguesias. Uma mescla de sentimentos deve ter invadido o autor. No fundo, é uma tela bem pintada com detalhes de quem tinha, de facto, muita memória. Um livro cheio de vida!



Como disse anteriormente, têm sido poucos os livros publicados sobre a História de Rio Maior. Há, contudo, algumas pequenas publicações que devo referir. No ano 2000, o Agrupamento de Escolas da Freguesia de Alcobertas editou um livrinho com, apenas, 64 páginas, com o título “Alcobertas - A Serra e o Vale”. Aí, são recolhidas as lendas relacionadas com aquela freguesia, a saber: a de Santa Maria Madalena, dos Potes Mouros, do Casal do Conde, de S. Martinho, do Casal da Velha, do Zé do Alpendre, do Sr. Amaro e dos Casais Monizes.

As lendas são, no fundo, narrativas fantasiosas transmitidas por via oral, onde se mistura o real e o imaginário. A pequena obra regista muitas das tradições que passaram de geração em geração, mas que a modernidade colocou de lado.

Diz-se, na página 46, “para a grande parte dos habitantes de Casais Monizes, a maior viagem da sua vida era a ida à Feira das Cebolas, de Rio Maior, onde ficavam durante uma semana. Durante o dia faziam os seus negócios e durante a noite divertiam-se”.



164 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Gina Morais.png

onde comer

telefonesuteis.jpg
RIOGRAFICA.jpg
bannered.png
Banner Riomagic.jpg
bottom of page