• comercioenoticias

CONCELHO DE RIO MAIOR EM RISCO ELEVADO


O Conselho de Ministros decretou hoje novas medidas no combate à Covid-19 em Portugal, limitando a circulação na via pública a partir das 23h00 nos concelhos de risco elevado ou muito elevado, prevendo que esta medida entre já em vigor amanhã, 2 de julho.

Após a reunião, Mariana Vieira da Silva, Ministra de Estado e da Presidência, revelou que nos concelhos de risco elevado ou muito elevado haverá uma limitação de circulação na via pública, entre as 23h00 e as 05h00, salientando que esta nova medida tem por objetivo reduzir ajuntamentos, não existindo exceções mesmo para quem possua teste negativo à Covid-19 ou o certificado digital de vacinação.

A Ministra informou que com a nova atualização do mapa de risco, os concelhos de Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Constância, Loulé, Loures, Mafra, Mira, Moita, Odivelas, Oeiras, Olhão, Seixal, Sintra e Sobral de Monte Agraço, juntam-se a Lisboa, Sesimbra e Albufeira, no risco muito elevado de incidência de Covid-19, havendo agora um total de 19 concelhos nesse patamar, os quais recuam no plano de desconfinamento.


PUB.


Por sua vez, Rio Maior é um dos 26 concelhos nacionais considerado de risco elevado de incidência de Covid-19, tendo como regras:

- O teletrabalho obrigatório quando as atividades o permitam

- Possibilidade de funcionamento de restaurantes, cafés e pastelarias até às 22h30 (no interior com o máximo de seis pessoas por grupo e em esplanada com 10 pessoas por grupo)

- Espetáculos culturais até às 22h30

- Casamentos e batizados com 50% da lotação

- Possibilidade de funcionamento do comércio a retalho alimentar e não alimentar até às 21h

- Permissão de prática de todas as modalidades desportivas, sem público

- Permissão de prática de atividade física ao ar livre e em ginásios

- Eventos em exterior com diminuição de lotação, a definir pela Direcção-Geral da Saúde (DGS)

- Lojas de Cidadão com atendimento presencial por marcação.

Para além de Rio Maior encontram-se em risco elevado os concelhos de Alcochete, Alenquer, Arruda dos Vinhos, Avis, Braga, Castelo de Vide, Faro, Grândola, Lagoa, Lagos, Montijo, Odemira, Palmela, Paredes de Coura, Portimão, Porto, Santarém, São Brás de Alportel, Sardoal, Setúbal, Silves, Sines, Sousel, Torres Vedras e Vila Franca de Xira.

Há ainda 21 concelhos em situação de alerta, alguns deles da região, nomeadamente, Azambuja, Cartaxo, Bombarral, Lourinhã, Nazaré, Óbidos e Salvaterra de Magos.

A principal medida que saiu então desta reunião de Conselho de Ministros, nos concelhos de maior risco, é a limitação de circulação entre as 23h00 e as 05h00, devendo os cidadãos respeitar a decisão e recolher aos seus domicílios.


PUB.



1,232 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom