top of page

Periodicidade: Diária

2/25/2024

  • comercioenoticias

CENTENAS DE PESSOAS DELICIARAM-SE COM REFEIÇÃO PRÉ-HISTÓRICA NO CASTRO DE VILA NOVA DE SÃO PEDRO


O sítio arqueológico de Vila Nova de São Pedro, localizado na União das Freguesias, Concelho de Azambuja, recebeu mais um “Dia aberto no Castro”, no passado dia 13 de julho, onde recebeu centenas de pessoas e crianças.

A atividade era aberta à comunidade e foi possível realizar visitas guiadas ao Povoado Calcolítico mais conhecido como Castro. As visitas, dinamizadas pela equipa de arqueólogos da campanha de escavação de 2023, coordenada pela equipa do projeto científico VNSP 3000, têm como objetivo valorizar este sítio arqueológico, sensibilizar a comunidade para a sua importância e dar a conhecer o trabalho científico que se tem realizado em torno deste local. Aos cerca de 100 visitantes, que ao longo do dia passaram pelo local, os arqueólogos explicaram como seria há 5000 anos e o que têm encontrado nas áreas escavadas este ano.

A terminar este “dia aberto”, teve lugar uma refeição pré-histórica, organizada pelo Município de Azambuja, pela Associação dos Arqueólogos Portugueses e pela UNIARQ, com o apoio da União das Freguesias de Manique do Intendente, Vila Nova de São Pedro e Maçussa e da União Desportiva e Cultural Vilanovense, com o objetivo de exemplificar a gastronomia calcolítica, como se confecionavam os alimentos naquela altura, assim como, os alimentos que comiam nesta época. Foi um momento de convívio e divulgação de um dos monumentos mais importantes para a Pré-História europeia, num ambiente de festa onde os presentes se deliciaram com diversas carnes (porco, javali e vaca) na brasa, peixe (robalo e truta salmonada) cozinhado no barro, ervilhas, favas, cogumelos, raia e coelho cozinhados na panela e moluscos, ostras, esturjão, frutos secos e frutos silvestres. É de referir que todos os alimentos apresentados neste jantar, representaram os vestígios de alimentos encontrados durante as escavações dos últimos anos.



O “Dia aberto” no Castro, tem sido realizado nos últimos anos e tem como objetivo principal divulgar o trabalho desta equipa, bem como, potenciar a aproximação da população local e do público em geral, ao importante património que é o povoado Calcolítico de Vila Nova de São Pedro.

De referir que, os recursos naturais e culturais deste concelho continuam a oferecer um elevado potencial de exploração científica, técnica e cultural, com destaque para o sítio arqueológico (vulgo "castro") existente em Vila Nova de São Pedro, classificado como Monumento Nacional desde 1971.


190 visualizações0 comentário

onde comer

telefonesuteis.jpg
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg
bannered.png
Banner Riomagic.jpg
bottom of page