• comercioenoticias

CÂMARA DE RIO MAIOR CANCELA COMEMORAÇÕES DO FERIADO MUNICIPAL


“No próximo dia 6 de novembro deveríamos estar a comemorar os 184 anos da elevação de Rio Maior a Concelho e, no âmbito dessas comemorações, homenagear um conjunto de pessoas que, pela sua intervenção cívica, merecem o reconhecimento de todos nós”, refere uma nota informativa da Câmara Municipal de Rio Maior, que salienta que “a gravidade da situação pandémica que vivemos, em particular, o mais recente agravamento dos casos diagnosticados no nosso concelho, recomendam vivamente que se suspendam todas as iniciativas que pressupõem a aglomeração de pessoas, por maiores que fossem os cuidados observados pelos diversos intervenientes”.

O executivo municipal decidiu hoje, numa reunião em que participaram o Presidente da Assembleia Municipal de Rio Maior, António Arribança, o Presidente da Câmara Municipal, Filipe Santana Dias, Carla Dias, em representação da coligação “Juntos Pelo Futuro” (PSD/CDS-PP, Guilherme Gaboleiro (PS), Antónia Falcão Corrêa (CDU), e Fernando Costa (Movimento Independente MAIS), que “não ocorrerão nenhuma das iniciativas já anteriormente anunciadas, constantes do programa previamente divulgado pela Câmara Municipal de Rio Maior”.


PUB.


“Esta decisão, consensual entre as diversas forças políticas representadas na Câmara Municipal e na Assembleia Municipal, deverá ser vista pelos riomaiorenses, não só como uma medida destinada a evitar a propagação da pandemia, mas como um exemplo a seguir pelos nossos concidadãos”, destaca a autarquia riomaiorense, que acrescenta que “é este apelo que todos os subscritores, por si e em representação dos Órgãos Municipais e ou agrupamentos políticos que representam, pretendem deixar expresso: nenhum de nós pode negligenciar os cuidados sanitários/regras de etiqueta sanitária a que estamos obrigados”.

“Queremos, todos em conjunto, comemorar devidamente o 6 de novembro. Queremos, todos juntos, homenagear as pessoas e entidades que, pelas mais diversas razões, merecem a nossa admiração e o nosso agradecimento. Mas isso só acontecerá se, todos, mesmo todos, contribuirmos ativamente para ultrapassar o grave momento que vivemos. Efetivamente, não podemos ignorar a gravidade da situação vivida, o que ela representa em termos de saúde pública e o enorme esforço que estamos a exigir a todos os profissionais de saúde, correndo o sério risco, a não conseguirmos inverter a atual situação, de colocar em causa o nosso Sistema Nacional de Saúde”, salientam ainda os autarcas, que finalizam referindo: “Estamos seguros de que cada um de nós, e todos coletivamente, faremos o melhor para dar cumprimento ao que os nossos familiares, amigos, vizinhos, conterrâneos merecem. E, só dessa forma, poderemos, com a brevidade possível, festejar condignamente o 6 de novembro”.


PUB.


623 visualizações

1/9

1/9

1/8

1/6

onde comer

Periodicidade: Diária

11/30/2020

coronavirus.jpg
bannered.png

©2020 por Comércio & Notícias