• comercioenoticias

BANDA FILARMÓNICA DA VILA DA MARMELEIRA ESTÁ HOJE A CELEBRAR 100 ANOS DE EXISTÊNCIA


A Banda Filarmónica da Vila da Marmeleira apresentou-se pela primeira vez ao público a 1 de maio de 1921, sob regência do seu primeiro Maestro, o sempre lembrado, J. Luís Fernandes, de Santarém.

“A Banda é um património riquíssimo para todos os Marmeleirenses, para a nossa Freguesia e para o nosso Concelho, que a todos nos enche de orgulho e envaidece com as suas excelentes exibições”, salienta o Presidente da União de Freguesias da Marmeleira e Assentiz, Francisco Silvestre, que lamenta “não possamos comemorar da maneira mais merecida e desejada, mas temos esperança que ainda este ano nos iremos reunir ouvindo a nossa querida Banda e festejarmos da melhor forma possível”.

A centenária banda do concelho de Rio Maior começou com um instrumental em segunda mão, adquirido em Santarém e Ribeira de Santarém. O fardamento era de cotim: casaco de gola alta, fechada e boné, ornamentados com aplicações a encarnado e amarelo que, pelo realce destas cores, receberam o cognome de os canários.


PUB.


Nestes 100 anos de existência a banda teve diversos maestros, estando presente em centenas de concertos e festejos anuais percorrendo milhares de quilómetros, dos quais se destacam o Festival de Bandas Civis em Lagos, no Algarve, em setembro de 1994, o Festival de Condom – França em maio de 1997, o Encontro de Bandas no Crato em maio de 2001, o Encontro de Bandas na Marmeleira em maio de 2001, um concerto no Parlamento Europeu em Bruxelas no dia 19 de setembro de 2001, o Encontro de Bandas no Bombarral em outubro de 2001, o Encontro de Bandas no Montijo em abril de 2002 e o Encontro de Bandas em São Sebastião – Rio Maior. A Banda é atualmente dirigida pelo Maestro Acácio Silva.

“Sabemos que estes 100 anos só foram possíveis devido ao grande empenho e trabalho das muitas Direções da Casa do Povo da Vila da Marmeleira, dos seus músicos, dos seus maestros e de muitas outras pessoas que deram o seu contributo e sempre apoiaram esta Associação Cultural”, refere ainda Francisco Silvestre que agradece “à atual direção liderada por Mário Santos, a todos os seus elementos pelo trabalho que estão a desenvolver, ao Maestro Acácio Silva, pelo sua excelente regência desta Banda e grau de exigência imposto nos seus músicos, promovendo ao máximo um bom nível das exibições”.

O Presidente da Junta de Freguesia local deixa ainda um especial agradecimento “a todos os músicos que vão dando o seu máximo para mantermos esta Banda viva e de boa saúde. Parabéns para todos nós que fazemos parte desta grande família e para todos os que gostam da nossa Banda. Necessitamos do apoio de todos, para podermos garantir o seu futuro!”, concluiu Francisco Silvestre.


PUB.




290 visualizações0 comentário

1/8

1/9

1/4

1/7

1/8

onde comer

1/10
telefonesuteis.jpg

Periodicidade: Diária

5/12/2021

coronavirus.jpg
bannered.png
Centro Médico de Rio Maior.jpg
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg