Periodicidade: Diária

7/7/2022

  • comercioenoticias

ASFIC VENCE GRANDE PRÉMIO DE CASTRO VERDE COM DOBRADINHA


Decorreu no fim de semana de 26 e 27 de junho, o Grande Prémio de Castro Verde, prova em que alinharam à partida 148 ciclistas em representação de 25 equipas nacionais.

A formação riomaiorense ASFIC Grupo Parapedra / Dinazoo / Riomagic participou neste grande prémio com 9 unidades da sua equipa, (Rui Rodrigues, João letras, Jorge Letras, Daniel Ferreira, Edgar Oliveira, Hélder Pereira, Paulo Simões, Gonçalo Filipe e Davide Garrido).

A prova foi composta por 2 etapas, uma em linha de 93 km e um contrarrelógio por equipas de 24 km.

A primeira etapa iniciou-se às 16horas do dia 26, com saída da localidade de Casével e chegada a Castro Verde, onde o calor se fez sentir e criou algumas dificuldades ao pelotão. A etapa andou sempre a grande velocidade, com a ASFIC a tentar controlar o pelotão. A faltar cerca de 40 Km para a meta, deu-se uma fuga com cerca de 10 ciclistas onde também estavam 2 atletas da ASFIC.

A fuga ganhou alguma distância e a ASFIC resolveu impor um ritmo forte no pelotão, com o intuito de endurecer a corrida, causar algumas dificuldades no pelotão e anular a fuga. Após a fuga anulada e o pelotão bastante reduzido, contando apenas com cerca de 30 atletas, a equipa tentou sempre controlar o pelotão para não permitir fugas. A vitória foi discutida ao sprint, com o João letras da ASFIC, a conseguir cortar a meta em 1.º lugar e vencer a etapa. Rui Rodrigues cortou a meta em 7º lugar, com o mesmo tempo do João Letras.


PUB.


João Letras vestiu a camisola Amarela, líder da classificação individual, venceu também no escalão de elites e Rui Rodrigues o 2 M40. Coletivamente a equipa também obteve o 1º lugar.

Para a segunda etapa, no dia 27, o CRE, a equipa partia como líder da classificação individual e coletiva, e por isso era a última equipa com ordem de saída para o contrarrelógio entre a localidade de Entradas e Castro Verde. A equipa tinha como missão tentar tudo por tudo para não perder a liderança e assim vencer o grande prémio. Logo no primeiro km percorrido a equipa sofreu um percalço com uma avaria mecânica do Rui Rodrigues, que o afastou da corrida, causando alguma apreensão e nervosismo. A equipa não baixou os braços, os atletas lutaram com garra e determinação, conseguindo alcançar o 2º lugar na etapa, a 3 segundos da equipa vencedora o que mantinha a liderança na geral individual e coletiva.

Com o excelente resultado do trabalho de toda a equipa nas duas etapas, o João Letras venceu o Grande Premio de Castro Verde, trazendo para casa a camisola amarela. Coletivamente a ASFIC Grupo Parapedra / Dinazoo / Riomagic também arrecadou o 1.º lugar.

João Letras também foi líder da camisola Branca (Elites) e Paulo Simões subiu ao 3º lugar do pódio no escalão M40.

“Congratulamo-nos e estamos orgulhosos dos nossos atletas pelos resultados obtidos. É um enorme orgulho vencer a geral individual e coletivamente, o que demonstra não só a excelente qualidade, entrega, dedicação, espírito de sacrifício e entreajuda dos atletas da ASFIC, mas também a união, amizade e harmonia da equipa”, revelou a direção da equipa de ciclismo riomaiorense.

Dedicamos a vitória a todos os nossos patrocinadores os resultados obtidos e agradecemos todo o apoio e ajuda que nos prestam, pois sem eles jamais conseguiríamos obter estes resultados.


PUB.


96 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/5

press to zoom
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/9

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7

onde comer

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/12
telefonesuteis.jpg
bannered.png
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg