• comercioenoticias

AGENTE DA PSP DE LEIRIA DETIDO POR VIOLÊNCIA DOMÉSTICA


Um agente da PSP de Leiria, com 50 anos de idade, foi detido na passada semana, sendo suspeito do crime de violência doméstica, tendo o Comando Distrital de Leiria da PSP referido que se encontrava desarmado e afastado do serviço por motivos de saúde, avançando ainda que o agente foi detido pela GNR “fora de flagrante delito, em cumprimento de mandado emitido pela entidade judicial competente”.

O suspeito já foi a primeiro interrogatório judicial, indiciado da prática do crime de violência doméstica agravada na pessoa da mulher.

Segundo a Procuradoria da República da Comarca de Leiria “existem fortes indícios de que o arguido, molestou verbal, física e psicologicamente a vítima, de 50 anos, na residência onde coabitavam”.

A mesma fonte refere que “os factos foram cometidos em crescendo de agressividade, a partir de junho de 2020, em virtude de o arguido demonstrar ciúmes e sentimentos possessivos em relação à vítima, a qual insultava, vexava e controlava sistematicamente”.


PUB.


O Tribunal determinou que o arguido aguardasse os ulteriores termos do processo sujeito às medidas de coação de proibição de contactar, por qualquer meio, com a vítima, de frequentar e permanecer na sua residência, sendo tais medidas fiscalizadas por meios técnicos de controlo à distância.

O arguido ficou, ainda, proibido de contactar com a ofendida no local de trabalho da mesma, a não ser por questões de trabalho e na medida do estritamente necessário.

Por fim, o arguido ficou sujeito à obrigação de não adquirir e não usar armas de fogo.

A investigação foi avocada e é dirigida pela Diretora do Departamento de Investigação e Ação Penal de Leiria, com a coadjuvação do NIAVE do Comando Territorial de Leiria da GNR.


PUB.


165 visualizações0 comentário

press to zoom

press to zoom

press to zoom