Periodicidade: Diária

9/21/2021

chamus-campa.jpg
coronavirus.jpg

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8
242073858_400195791632769_9178108481245853053_n.jpg
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom
Bicharada - Site
Bicharada - Site

press to zoom

press to zoom
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom
1/9
Extreme Peste - Site
Extreme Peste - Site

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Extreme Peste - Site
Extreme Peste - Site

press to zoom
1/8
bannered.png
NOVO SANTA CASA - COVID.jpg
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg

onde comer

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/10
telefonesuteis.jpg
  • comercioenoticias

Faleceu no Hospital de Santarém o Sr. Joaquim Piedade dos Santos, com 58 anos.

Era natural da freguesia de Alcobertas, concelho de Rio Maior, e residente em Alcanhões.

Era solteiro.

Velório restrito a 10 pessoas em simultâneo na Casa Mortuária de Alcobertas a partir das 10:00 horas de Quarta-feira.

A cerimónia fúnebre realiza-se Quarta-feira, 22 de Setembro de 2021, às 17:00 horas, na Igreja de Alcobertas, seguindo para o Cemitério de Alcobertas, Concelho de Rio Maior.

A família cumpre o dever de agradecer, a todas as pessoas que acompanharem, o seu ente querido à sua última morada.

Medidas de Prevenção Covid-19: Recomendamos o uso máscara e que seja mantida a distância de segurança entre as pessoas.

De acordo com Resolução do Conselho de Ministros n.º 70-A/2020 a realização de funerais está condicionada à adoção de medidas organizacionais, a determinar pelas autarquias locais que exerçam os poderes de gestão dos cemitérios, e que não pode haver exclusão no funeral, apesar do limite de presenças fixado, de cônjuge ou unido de facto, ascendentes, descendentes, parentes ou afins.

253 visualizações0 comentário

O Bloco de Esquerda vai apresentar na Assembleia da República uma iniciativa para pôr fim à proibição da pesca lúdica nos 52 quilómetros do Tejo entre Ortiga, em Mação, e a ponte da EN 243, que liga os concelhos da Golegã e da Chamusca.

Este troço do Tejo está atribuído às zonas de pesca profissional de Constância/Barquinha e de Ortiga, onde apenas são permitidas a pesca profissional e a pesca desportiva. A proibição impede os pescadores lúdicos de acederem ao rio e usufruírem de uma atividade social, de convívio, e de contacto com a natureza.

“Antes de definir a nossa posição quisemos conhecer o estado das populações de peixes do Médio Tejo, tendo o Ministério do Ambiente informado que estas se encontram em bom estado de conservação”, adiantou a deputada Fabíola Cardoso.

“O Governo disse-nos também que o número de licenças pedidas por pescadores profissionais é hoje cerca de metade da quota máxima atribuída à região, o que sugere que o esforço de pesca naquele troço do Tejo não é elevado. Por isso consideramos que abrir aquelas águas à pesca lúdica – se bem gerida e monitorizada – não coloca em risco o bom estado de conservação da fauna e permite devolver às pessoas uma atividade social importante na região, especialmente depois de uma situação prolongada de confinamento pandémico que as privou do convívio e do contacto com a natureza”, sublinhou Fabíola Cardoso.


PUB.


A deputada Fabíola Cardoso e o vereador da Câmara Municipal de Abrantes, Armindo Silveira, estiveram hoje reunidos com o Grupo Unidos pelo Tejo, que representa uma comunidade de pescadores lúdicos que reivindicam o fim da proibição da pesca lúdica no Médio Tejo.

Os eleitos do Bloco assumiram na reunião o compromisso de avançar com uma iniciativa que ponha fim à proibição, desde que esteja salvaguardado o acompanhamento do estado de conservação da fauna piscícola. Os bloquistas sublinharam ainda a necessidade de as entidades governamentais trabalharem de perto com os grupos de cidadãos e associações que usufruem e defendem o Médio Tejo, para com eles articularem medidas que garantam uma gestão eficaz daquele troço do rio.

O Bloco de Esquerda vai agendar uma visita às zonas de pesca profissional do Médio Tejo e continuar a ouvir associações e organizações ambientalistas.


PUB.


171 visualizações0 comentário

Elementos da Esquadra da Polícia de Segurança Pública das Caldas da Rainha detiveram, em flagrante delito, ao início da tarde do passado sábado, 18 de setembro, um homem de 49 anos de idade e uma mulher de 33 anos, quando estes tentavam furtar o catalisador de uma viatura.

Os polícias receberam um telefonema na esquadra a denunciar o ilícito e de imediato foi montado um dispositivo no terreno que permitiu intercetar os agora suspeitos junto de um carro, cujo catalisador já se encontrava serrado, assumindo aqueles a autoria do furto.


PUB.


Após uma busca no interior da viatura que os detidos se faziam transportar foi encontrado diverso material utilizado para a prática destes ilícitos criminais (furto de catalisadores), nomeadamente, uma rebarbadora, discos para rebarbadora de corte de inox, macaco hidráulico, tesouras para cortar metais e diversas chaves.

Os ora detidos estão referenciados na autoria de diversos furtos de catalisadores. O expediente foi remetido para os Serviços do Ministério Público do Tribunal das Caldas da Rainha.

Com mais esta ação a Polícia de Segurança Pública agradece a colaboração e a participação ativa da população na comunicação de situações anómalas, acreditando ter reforçado o sentimento de segurança da comunidade local.


PUB.


225 visualizações0 comentário