Periodicidade: Diária

8/11/2020

coronavirus.jpg

1/11

1/10
9wx7mfsuv6n25r209a0dags5s.jpg
hqdefault.jpg
bannered.png

1/8

1/8

1/11

onde comer

  • comercioenoticias

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através do Subdestacamento de Controlo Costeiro da Nazaré, no dia 7 de agosto, apreendeu 293 peças de material contrafeito, na vila da Nazaré

Durante a realização de uma ação de fiscalização rodoviária, os militares da GNR detetaram no interior de um veículo diversas peças de vestuário que ostentavam logótipos de diversas marcas conhecidas, no valor de 5.892 euros.


PUB.


Apurando tratar-se de material contrafeito, foi identificado um homem de 44 anos de idade, pela suspeita da prática do crime de venda e circulação de produtos ou artigos contrafeitos.

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Nazaré.


PUB.



Os Bombeiros de Óbidos receberam, ontem domingo, dia 9 de agosto, a visita da "Princesa Carminho", acompanhada pela mãe, irmã e avós, com o propósito de recolher as tampinhas que foram doadas até à presente data.

Levaram uma carrinha completamente "cheia de esperança e carregada" com os principais e nobres valores da vida: solidariedade, compaixão, crença e uma fé inabalável que irão concretizar o propósito da sua missão: recolher 22 toneladas de tampas para financiar o tratamento da Carminho, permitindo a sua mobilidade autónoma.

Os Bombeiros Voluntários de Óbidos agradecem a solidariedade de todos aqueles que até à presente data já contribuíram na dádiva das tampas e irão continuar a recolher as tampas até conseguirem concretizar a missão de ajuda à Carminho.


PUB.


Recorde-se que a Carminho é uma menina de 3 anos de idade, residente em Alpiarça, tendo-lhe sido diagnosticado ainda em bebé Síndrome de West.

Após vários episódios de convulsões severas (ataques de epilepsia), a Carminho ficou com um atraso a nível do desenvolvimento inibindo-a de, presentemente, ainda não conseguir andar.

Em Rio Maior quem quiser também colaborar nesta causa solidária pode entregar as suas tampinhas na loja Doces Recordações, ao lado da Ortomaior, Avenida Paulo VI.


PUB.



No âmbito das medidas excecionais e temporárias adotadas pelo Município de Porto de Mós na vigência da pandemia Covid-19, com o objetivo de dar resposta às reais necessidades do movimento associativo do concelho, a Autarquia vai atribuir um total de 150 mil euros, num novo pacote de apoio extraordinário às Associações de cariz social, cultural e desportivo.

Num primeiro momento, foram já deliberados 50.000€ para as Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho, num apoio fundamental para salvaguardar a sua sustentabilidade, nomeadamente, pela relevância diária na prestação de serviços primários seja à população mais jovem, como a mais idosa.


PUB.


Em reunião de Câmara do passado dia 6 de agosto, foi, também, deliberado um novo apoio de 15.000€ para as Associações Humanitárias de Bombeiros Voluntários do concelho, bem como para a Associação Serviço e Socorro Voluntário de S. Jorge.

Em fase de avaliação de critérios está o restante apoio de 85.000€ que contemplará todas as Associações do concelho que, por força da quebra de atividade cultural e desportiva, sofreram um enorme impacto a nível financeiro imprescindível à continuidade dos seus projetos e atividades.


PUB.


©2020 por Comércio & Notícias