Periodicidade: Diária

12/3/2022

IMG_8005.JPG
311241845_823509548689308_3569564137146519904_n.jpg

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/9

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/9
310669580_406504034979422_6148166878858998582_n.png
Dr.-Fausto-Roxo.jpg

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/6

press to zoom
Lino Martins - site
Lino Martins - site

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7
246195962_283147307146053_4276187675534544123_n.jpg
2_550.jpg

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7

onde comer

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8
bannered.png
telefonesuteis.jpg
314012987_493269782858541_8091892627052110800_n.jpg
Gina Morais.png
RIOGRAFICA.jpg

Militares da GNR do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Torres Novas, no dia 28 de novembro, detiveram uma mulher de 61 anos, por tráfico de estupefacientes, no concelho de Torres Novas.

Na sequência de uma investigação por tráfico de estupefacientes, que decorria há cerca de um mês, foi dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária e dois em veículos, que culminaram com a detenção da suspeita e com a apreensão de 4 034 doses de canábis, 564 ramos canábis em fase de secagem, 11 plantas de canábis, uma balança de precisão, uma ventoinha, um desumidificador, uma balança de precisão e 1 337 sacos herméticas de embalamento de estupefaciente.



A detida foi constituída arguida e os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Torres Novas.

A ação contou com o reforço da Unidade de Intervenção (UI), do Destacamento de Intervenção (DI) de Santarém e do Núcleo de Apoio Técnico (NAT) de Santarém.



180 visualizações0 comentário

A iniciativa “Circu’Lando o Natal”, uma organização conjunta do Município de Rio Maior e das Juntas de Freguesia do Concelho, volta a fazer as delicias dos mais jovens pelas nossas aldeias, nesta quadra natalícia.

Ontem, o arranque desta iniciativa inserida no Programa de Natal Rio Maior 2022, contou com a presença da vereadora da Cultura, Leonor Fragoso.



O espetáculo de Magia Infantil com o Mágico Vegas, esteve nas freguesias de Asseiceira, S. Sebastião e Fráguas, reunindo no total 270 pessoas nas três sessões.

No próximo domingo o "Circu'Lando o Natal" fará apresentações em Vila da Marmeleira às 14h30 e em Malaqueijo às 17h00.



54 visualizações0 comentário

O Executivo Municipal de Santarém aprovou, no dia 30 de novembro, o orçamento para 2023, no valor de 72,5 milhões de euros.

Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal de Santarém, refere que “perante todas as dificuldades que o futuro insiste em anunciar, preferimos redescobrir novas formas de resiliência, novas oportunidades para ajudar as organizações e a sociedade a concretizarem a transformação de que necessitam para acompanharem este futuro que não será, com toda a certeza, igual ao passado que já conhecemos”.

Este orçamento apesar de ter sido elaborado num quadro de grande incerteza e de dificuldades associadas à elevada taxa de inflação, às revisões de preços adstritas, ao brutal aumento dos gastos com energia elétrica, é um orçamento próximo dos munícipes e das famílias.

O reforço do investimento municipal de mais de 6 milhões de euros nas freguesias, a redução acentuada de impostos e o investimento no desporto, numa educação de excelência, na ação social, através de mais apoios sociais para famílias carenciadas e IPSS, são eixos estratégicos para 2023.

Neste sentido, Ricardo Gonçalves refere que “estamos a concluir a empreitada de reabilitação do Bairro Calouste Gulbenkian, temos um Plano de Recuperação e Resiliência, que terá de ser aproveitado ao máximo, como é o caso do Plano Local de Habitação, que com os seus mais de 21 milhões de euros, irá permitir acabar com a indignidade de ainda termos pessoas em Santarém a viver com más condições de habitabilidade”.



A autarquia mantém firme a estratégia de crescimento económico e social sustentado, aproveitando ao máximo o presente quadro comunitário de apoio e concretização de projetos determinantes para afirmar Santarém como destino privilegiado para visitar, trabalhar e viver.

“Queremos uma Smart City, uma cidade mais atrativa, criativa e fervilhante, que potencia as tradições equestres, o seu património e a enogastronomia” refere Ricardo Gonçalves, mantendo “a estratégia de desenvolvimento turístico, em todas as suas áreas e afirmando Santarém como destino de turismo, de cultura e de lazer”.

O Orçamento de 2023, mantém a tendência de consolidação financeira, preservando-se o bom nome do Município de Santarém, reconquistado perante todos os parceiros, desde empreiteiros a pequenos fornecedores, desde freguesias a associações culturais, desportivas e juvenis, com respeito pelo esforço coletivo dos munícipes de Santarém.

A estratégia de atração de investimento para Santarém, através do apoio às empresas que se pretendam instalar ou investir no Concelho é outra aposta do Executivo, assim como a aposta na inclusão, na redução das desigualdades e na sustentabilidade ambiental.

O Município continua também a empenhar-se na criação e melhoramento dos equipamentos desportivos e no apoio às entidades que operam no âmbito desportivo e cultural, através das verbas adstritas ao PAFAD e ao PAAAC no valor de 520 mil euros e mantém também o apoio às atividades e agentes culturais com um apoio de mais de 200 mil euros.




19 visualizações0 comentário